Museu Amazônico

O Museu Amazônico é um órgão de apoio à pesquisa, ao ensino e à extensão nas áreas de História, Antropologia e Arqueologia da Universidade Federal do Amazonas – UFAM. Sua missão é preservar e valorizar o patrimônio histórico e cultural da Amazônia, reconstituindo acervos e informações acerca da região através de exposições de médio ou longo prazo e itinerante. O museu foi criado em 1975, implementado em 1989 e inaugurado em 1991. Desde a sua abertura ao público se localiza no Centro da cidade de Manaus.

Fonte: site do museu


Em 1975 foi criado o artigo 8 do Estatuto da Universidade que previa a existência de órgãos suplementares subordinados à Reitoria. O atual prédio foi adquirido em 1972 pela UFAM e funcionava a Sub-Reitoria de Planejamento. Porém, foi graças aos alunos e professores do curso de História que procuraram lugar para implantar o museu até encontrar esse prédio da Sub-Reitoria. A implantação do museu veio somente em 1989, momento que o ex-Reitor Marcus Barros nomeou a primeira diretora e definiu a sede no Centro.

Finalmente foi inaugurado no dia 21 de junho de 1991 com as exposições “Resgate da Memória Histórica de Manaus: o Centro Velho e Modernidade” e “Silvino Santos – Um eterno Estrangeiro no País das Amazonas”, com a proposta de romper com a tradição de que museu é lugar de exposição de “coisas velhas”. Foi lançado nesse mesmo ano o “Boletim Informativo do Museu Amazônico n.01”.

O museu entra na categoria de museus etnográficos e conta com acervo documental, etnográfico e arqueológico. Hoje a instituição organiza e promove exposições para divulgar o próprio acervo, além de exposições artísticas e atividades educacionais com escolas. A frequência de público chega a ser por volta de 23 mil visitas anuais aos espaços de exposição, entre estudantes, turistas e público em geral.

Fonte: Rila Arruda, 2011.

Seis setores fazem parte da estrutura do museu:
Biblioteca especializada em assuntos relacionados à Amazônia;
Divisão de Museologia, composta pelo Setor de Documentação Museológica e Reserva Técnica, e pelo Setor de Conservação e Restauro;
Divisão de Arqueologia, com o Laboratório de Arqueologia localizado no Setor Sul da Universidade (mini-campus);  
Divisão de História e Documentação, com a Central de Documentação e o Acervo Documental;
Divisão de Difusão Cultural;
Divisão de Antropologia, este último com o Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social da Universidade (PPGAS), em nível de mestrado e doutorado.



A UFAM tem um projeto de mudança do museu para dentro do campus universitário. A construção iniciada em 2009 está parada no momento. A nova sede deverá abrigar a biblioteca, reserva técnica, um restaurante, um amplo espaço para exposições, auditório e o programa de Pós-Graduação em Antropologia Social - PPGAS (mestrado e doutorado).
Endereço:
Rua Ramos Ferreira, 1036, Centro - Manaus
Aberto ao público de segunda a sexta 
8h as 12h e 14h as 17h

Contatos:
museuamazonico@ufam.edu.br
twitter.com/museuamazonico









Comentários

Postagens mais visitadas